curiOsiDadEs

CONTRA A ANEMIA: Quem se alimenta de verduras frescas normalmente não tem problemas de anemia, pois seu sangue será rico em ferro. As folhas ajudam o intestino a funcionar bem.


GRAVIDEZ X HORMONAS X LÚPUS:
A gravidez pode piorar os sintomas do lupus ou desencadear uma crise. Mas, por outro lado, pode trazer períodos de remissão. As razões para essas possíveis diferenças não são totalmente entendidas, mas são provavelmente ligadas às mudanças hormonais ocorridas durante a gravidez. Por isso, o planeamento por exames de rotina (urina e sangue) e monitoramento da gravidez nas lúpicas são essenciais.


O IMPACTO DO LÚPUS EM CRIANÇAS/JOVENS:
Algumas sugestões que podem ajudar: seja sensível às necessidades das crianças e jovens lúpicos, já que eles não tem estratégias de como lidar com a doença; comunique adequadamente, veja e sinta os problemas com os olhos da criança ou jovem; trate o jovem como um adulto, na medida do possível; consciencialize as pessoas que estão à volta da criança e jovem sobre o lupus (professores e familiares).


MÚSCULOS E LÚPUS:
A maioria dos lúpicos apresenta problemas musculares, quase sempre ligados à inflamação. Primeiro, os músculos ardem e doem, e depois se tornam mais fracos. O exame clínico determina a fraqueza muscular e o funcionamento adequado dos nervos. Os exames de sangue, aldolase e creatina fosfoquinase (CPK), medem o nível destas enzimas que, em número elevado, revelam transtornos musculares.








3 comentários:

Claudia Madureira disse...

Olá Andreia,

Obrigada pela tua visita e fico contente por saber que o teu bichinho també está sossegado.
Sesejo-te uma boa semana.

Beijinhos

@mor disse...

oi..adorei!!!!!!!!
podemos manter contato!!!!

Paula Correia disse...

Olá!

Adorei o teu blog, tem informações muito úteis!

Beijinhos ;)**********